• Facebook
  • twitter
  • youtube

Governo vai premiar pesquisas e mulheres que contribuam para a igualdade de gênero

Em 11/04/2016

premio mulher

O Governo do Estado, por meio das Secretarias de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e da Mulher (Semu), irá premiar pesquisas e mulheres que contribuam para a igualdade de gênero com o prêmio “Construindo a Igualdade de Gênero”. A criação do prêmio foi um dos assuntos discutidos entre os secretários das duas pastas durante reunião realizada na Secti, nesta quarta-feira (6), onde foi discutida, ainda, a produção de um aplicativo de combate à violência contra as mulheres e oferta de cursos pelo Iema que trabalhem as relações de gênero de forma transdisciplinar.

As ações que serão realizadas em conjunto pelas secretarias têm o objetivo de contribuir para o enfrentamento da desigualdade de gênero e para formação de uma nova geração que tenha na igualdade de gênero o convívio entre os homens e as mulheres.

“Na nossa perspectiva a ciência, tecnologia e inovação tem que está em diálogo com as outras áreas e trabalhar a transversalidade das políticas públicas, sendo essa uma determinação do governo Flávio Dino. Nesse sentido, a parceria com a Secretaria da Mulher objetiva desenvolver três ações que são a realização de cursos, a criação do prêmio, que também tem a parceria da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico do Maranhão (Fapema), e o desenvolvimento de um aplicativo que permitirá que as mulheres possam entrar mais rapidamente em contato com os órgãos de direitos humanos e de defesa”, enfatizou o secretário da  Secti, Jhonatan Almada.

A ideia é que o aplicativo possa dar dinamicidade ao enfrentamento a violência contra mulheres. No espaço, ao mesmo tempo que as mulheres encontram informações sobre a rede de enfrentamento a violência, elas também poderão denunciar violências que estejam sofrendo.

“Com esse aplicativo queremos possibilitar que as mulheres tenham maior dinamicidade nas denúncias, maiores informações e mais proximidade com o Estado. Com o aplicativo, inclusive, elas podem acessar as informações sem se expor tanto”, destacou a secretária da Mulher, Laurinda Pinto. “Isso sem dúvida nenhuma gera maior autonomia para as mulheres no processo de enfrentamento”, completou.

Durante a reunião foi pactuada uma discussão sobre os projetos pedagógicos das escolas do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema), na perspectiva de desencadear processos educativos que possam gerar contribuição para a igualdade de gênero na formação dos jovens do Estado.

Premiação

Já existe no Brasil uma agenda de premiação no campo da ciência que é garantida pelo governo federal por meio dos Ministérios das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos. O que será feito pelo Governo do Maranhão é a estadualização dessa agenda com a criação do prêmio de ciência e tecnologia para as mulheres que contribuam com seu trabalho nas áreas da ciência, tecnologia e inovação, segundo informou a secretária Laurinda Pinto.

Também será colocada na agenda a contribuição de sistematização de memoriais de mulheres que fazem a diferença na construção do estado democrático e de direito que perpassa pela igualdade de gênero. “Nós temos muitas mulheres no Maranhão que vêm contribuindo com a organização comunitária, com a organização sindical, com a organização de trabalhadoras e trabalhadores e a gente vê que há necessidade de fomentarmos a sistematização dessas memórias”, salientou a secretária.

Ficou acertado na reunião que será formado um grupo de trabalho com representantes das duas secretarias para sistematizar o edital e apresentar ao governador Flávio Dino. A ideia é que a premiação aconteça na Semana Nacional da Ciência e Tecnologia, em outubro, e o aplicativo deverá ser lançado durante a Campanha dos 16 Dias de Ativismo que acontece dia 25 de novembro, que é o Dia Internacional de Enfrentamento a Violência contra a Mulher, até o dia 10 de dezembro que é o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

Endereço

Avenida Jerônimo de Albuquerque, s/n
Palácio Henrique de La Rocque – 2º Andar
Jardim Renascença – São Luís – MA
CEP: 65070-901

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
De segunda à sexta, das 13h às 19h

OUVIDORIA DA MULHER
(98) 98427-1002

(98) 98427-3681

De segunda à sexta, das 09h às 19h

Localização

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br