• Facebook
  • twitter
  • youtube

Políticas públicas chegam as mulheres da zona rural da Ilha de São Luís

Em 31/03/2017

2017-03-25-PHOTO-00000853(1)Com o objetivo de levar serviços de assistência, saúde, prevenção e educação para as mulheres dos pontos mais distantes do estado, o Ônibus Lilás, fruto de uma demanda da Marcha das Margaridas, vem prestando serviços especializados da Rede de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência no campo, floresta e águas.

A Unidade Móvel que faz parte do programa “Mulher: Viver sem Violência”. No Maranhão as unidades são gerenciadas por um grupo de trabalho encabeçado pela Secretaria de Estado da Mulher (Semu); Secretarias de Estado da Saúde (SES); sociedade civil; Fetaema Fecopema, Fespema, Aconeruq, MIQCB, entre outros, promovendo ações conjuntas para a melhor operacionalização dessas unidades.

Desde 2015 o Ônibus Lilás vem percorrendo comunidades quilombolas e de marisqueiras do estado levando atendimento como palestras sobre a Lei Maria da Penha e Feminicídio; Oficinas sobre o Uso do tempo e Autonomia Econômica para Mulheres. Outra atividade do Ônibus é uma parceria com o BNB que realiza o cadastro de grupos produtivos, orientando sobre os programas de microcrédito para mulheres. 2017-03-27-PHOTO-00000977

Durante todo o mês de março as ações do ônibus foram voltadas para as comunidades da zona rural dos quatro municípios que compõe a ilha de São Luís. Em São Luís os atendimentos foram realizados na Vila Itamar, Calemb, Vila Nova República e Itapera. Em Paço do Lumiar Vila São José II, Mojó Iguaíba e Timbuba. No município de São José de Ribamar em São José dos índios e Juçatuba e em Raposa as comunidades de Farol, Cumbique e Canto.

Para Claudia Gouveia, chefe do Departamento de Políticas do Trabalho e Autonomia Econômica das Mulheres – DAE o acesso não foi o principal desafio. “Levar as ações das políticas para as mulheres as comunidades mais distantes é gratificante. O 2017-03-27-PHOTO-00000969(1)maior desafio é vencer o preconceito que algumas mulheres tem com relação aos exames de prevenção.”, disse.

A Ilha do Canto, comunidade do município de Raposa, recebeu pela primeira vez uma ação governamental. Lá foram realizadas palestras, 40 consultas médicas; 104 Testes Rápidos  (Sífilis, HIV, Hepatite C,  Hepatite B ) e 32 crianças e adolescentes receberam informações sobre saúde dentária e fizeram aplicação de flúor e foram vacinadas.

“Sem o apoio das instituições esse trabalho seria mais difícil, não impossível, mas essa é a base do Governo Flávio Dino a transversalidade nas políticas públicas, todos nós trabalhando pelo povo do Maranhão”, disse a Secretária da Mulher Laurinda Pinto.

Para dona Betânia, marisqueira da comunidade de Timbuba em Paço do Lumiar essas ações chegaram em boa hora “O acesso à saúde aqui é precário, temos um agente de saúde mas precisamos de ações mais efetivas como essa”, disse a marisqueira.

O Ônibus Lilás encerra as ações de março e o Departamento de Políticas do Trabalho e Autonomia Econômica das Mulheres – DAE, já está preparando uma nova agenda de itinerância.

2017-03-27-PHOTO-00000976

equipe da semu realiza ação do ônibus lilás em  Canto - Raposa

 

2017-03-25-PHOTO-00000818

Endereço

Avenida Jerônimo de Albuquerque, s/n
Palácio Henrique de La Rocque – 2º Andar
Jardim Renascença – São Luís – MA
CEP: 65070-901

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
De segunda à sexta, das 13h às 19h

OUVIDORIA DA MULHER
(98) 98427-1002

(98) 98427-3681

De segunda à sexta, das 09h às 19h

Localização

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br